Restrições serão adotadas a partir de hoje (01) no Hospital Municipal de Brumado

Devido ao agravamento da pandemia, que fez com que o sistema de saúde regional apresentasse várias limitações, o secretário de saúde de Brumado, Cláudio Soares Feres, divulgou uma nota à imprensa e a população em geral informando que será adotada restrição de atendimento no Hospital Municipal Professor Magalhães Neto (HMPMN). Segundo a nota, o aumento significativo de casos e de óbitos por Covid-19, juntamente com a superlotação do Pronto Atendimento Covid (UPA) e do Hospital Municipal, somados à insuficiência de leitos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Estado, fez com que a Secretária de Saúde de Brumado, venha a determinar que, a partir desta segunda-feira, dia 1° de março de 2021, o pronto-socorro do HMPMN atenderá apenas os casos graves (fichas amarela e vermelha). Ainda segundo o secretário, os casos leves e moderados (fichas azul e verde) serão encaminhados para as Unidades Básicas de Saúde (UBS). Fonte//brumadourgente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *