Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O relator da reforma tributária na Câmara dos Deputados, Agnaldo Ribeiro (PP), finaliza negociações com parlamentares para levar a proposta para votação na próxima semana. O deputado já sinalizou que pretende suprimir pontos da reforma que foram incluídos pelo Senado, como a possibilidade de prorrogação de incentivos fiscais para o setor automobilístico no Nordeste, Norte e Centro-Oeste até 2022. Outra mudança feita pelo Senado e que não tem apoio na Câmara, é sobre a ampliação da lista de setores que terão alíquotas diferenciadas. Além da reforma tributária, outras propostas consideradas prioritárias pela equipe econômica do governo ainda estão em tramitação no Congresso.

Nesta quinta-feira, 7, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, teve um encontro com o presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco (PSD). Ambos concordaram que é preciso concentrar esforços para fechar o ano com todas as pautas aprovadas. Para a próxima quinta-feira, 14, Pacheco convocou uma sessão do conjunta do Congresso Nacional para fazer a análise dos vetos presidenciais relacionados a pautas aprovadas, como o arcabouço fiscal e a desoneração das folhas de pagamento. Segundo Pacheco, o Senado também deve fazer um esforço concentrado até o final do ano para a aprovação de projetos. O recesso legislativo começa no dia 22 de dezembro.

Fonte: Jovem Pan

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like

Bolsonaro diz a aliados que quer ser candidato ao Senado em 2026

Foto: Reprodução/TV Globo O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) se reuniu com aliados…

Celulares de Bolsonaro e Michelle são apreendidos em operação da PF

Foto: Reprodução/ Instagram Os telefones celulares de Jair Bolsonaro (PL) e Michelle…

Tiro amigo: deputado acusa Rui Costa de vetar participação do MST em evento com presidente Lula

Foto: Jonas Santos O deputado federal Valmir Assunção (PT), acusa o ministro…

Lula sanciona lei que impõe funcionamento 24h de delegacias da mulher

Foto: Governo de SP O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT)…