Foto: Kirill KUDRYAVTSEV / AFP

Os deputados da Rússia aprovaram nesta sexta-feira, 14, por maioria uma lei que proíbe as transições de gênero e a adoção de crianças por pessoas transexuais, em um momento extremamente conservador da sociedade russa, em particular após a ofensiva na Ucrânia. “Esta decisão protege nossos cidadãos, nossas crianças”, afirmou no Telegram o presidente da Câmara Baixa do Parlamento (Duma), Viacheslav Volodin.

As mudanças de estado civil, as operações cirúrgicas para mudança de sexo e os tratamentos hormonais se tornaram acessíveis na Rússia após a queda da União Soviética. Em um comunicado, a Duma afirma que a lei proíbe “qualquer intervenção médica” para mudança de gênero, em particular as cirurgias e terapias hormonais. Também proíbe a mudança de sexo nos documentos de identidade. O texto prevê exceções, que devem ser avaliadas por uma comissão especial, que permitem cirurgias em casos de “doenças congênitas” em crianças durante a formação de seus órgãos genitais. Os casamentos com a participação de uma pessoa trans serão “anulados” após a entrada em vigor da lei, segundo a Duma.

As pessoas transgênero também serão proibidas de ter filhos ou de adotar crianças na Rússia. O vice-presidente da Duma e autor do projeto de lei, Piotr Tolstoi, disse que a medida não é retroativa e que transgêneros que já adotaram crianças não perderão a custódia. O projeto de lei foi aprovado em terceira e última votação e agora deve ser validado pela Câmara Alta do Parlamento, o Conselho da Federação, antes de ser promulgado pelo presidente Vladimir Putin para entrar em vigor, etapas que são consideradas simples formalidades. Desde o início da ofensiva contra a Ucrânia, as autoridades russas multiplicaram as medidas conservadoras, em particular contra as pessoas LGBTQIA+, alegando querer eliminar comportamentos que consideram desviantes e importados do Ocidente. Fonte: Jovem Pan

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like

Papa Francisco autoriza benção a casais do mesmo sexo

Foto: Reprodução l Tiziana FABI O Vaticano anunciou na segunda-feira (18) uma…

Nobel de Medicina 2023 vai para dupla que ajudou a desenvolver vacinas contra a Covid

Foto/ Divulgação/Nobel Prize A bioquímica húngara Katalin Karikó e o médico americano…

Suprema Corte de Michigan rejeita ação contra Trump e decide que ex-presidente pode concorrer em 2024

Foto: Scott Olson/Getty Images/AFP A Suprema Corte de Michigan rejeitou um recurso…

EUA advertem Coreia do Norte de que país ‘pagará um preço’ se enviar armas à Rússia

Foto: Olga MALTSEVA / AFP Os Estados Unidos advertiram nesta terça-feira, 5,…