--:--
--:--
  • cover
    Alberto Lopes

--:--
--:--
  • cover
    Alberto Lopes

Sesab emite alerta sobre período de reprodução dos escorpiões

Sesab emite alerta sobre período de reprodução dos escorpiões

Foto: Reprodução/Rede Bahia

A Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) emitiu alerta nestes últimos dias para a chegada do período de reprodução dos escorpiões. Nos meses de agosto e setembro, a população deve estar mais atenta, adotar medidas de prevenção e saber como remediar picadas do animal. Segundo o órgão, até o mês de julho, foram notificados 15.139 casos de picadas de escorpião, com 15 mortes. Em 2022, um total de 27.972 casos foram contabilizados ao todo, com 20 mortes. Em Salvador, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Programa de Controle de Escorpiões, entre janeiro e julho de 2023, foram registrados 21 casos de picadas de escorpião.

Em 2021 e 2022, respectivamente, 19 e 23 casos foram registrados. O biólogo Tairacan da Fonseca explica que o principal alimento deles consiste em insetos em geral, em especial as baratas, que se encontram em sua maioria na área urbana. É preciso redobrar o cuidado também com relação a determinados locais escuros e insalubres da cidade. Segundo o cientista, eles “são animais que gostam de ambientes fechados e escuros, com entulho, madeira”, e usam desses ambientes para reproduzir e se esconder. Vale ressaltar que em caso de acidente é importante lavar o local com água e sabão e procurar uma unidade de saúde.

Compartilhe: